04
Ter., Ago.
1 Artigos Novos

Fruticultura

A Volta a Portugal em Fruta regressou em 2019 para desafiar vários alunos do 1º Ciclo. As votações dos projetos deram a Taça da Fruta de Portugal a turmas da Escola Básica Salgueiro Maia em Santarém (1º e 2º lugar) e ao Centro Escolar de Resende (3º lugar).

Ambas as turmas foram as preferidas no desafio Volta a Portugal em Fruta, desafio do Centro de Frutologia Compal.

Cerca de quatro mil crianças das escolas do 1º ciclo receberam o Mapa das Fruta de Portugal e participaram com a produção de desenhos, ilustrações, pinturas ou poemas. Os trabalhos foram colocados a votação no Facebook da marca Compal.

A pêra rocha do Oeste foi a fruta escolhida pela turma 12 do Centro Escolar Salgueiro Maia, que criou um individual, para colocar na mesa de refeição, com o desenho de uma pêra em destaque, para lembrar a importância do consumo deste alimento.

Ainda no Centro Escolar Salgueiro Maia, a turma 13 inspirou-se na pêra rocha do Oeste e na maçã riscadinha de Palmela. O resultado foi uma banda desenhada que relata a visita de dois amigos à fábrica Compal.

Mais a norte, no Centro Escolar de Resende, a Cereja da Cova da Beira foi a rainha. Um projeto da Turma R1 que rodeou o Mapa das Frutas de Portugal com cerejas feitas à mão pelos alunos. 

A Volta a Portugal em Fruta é uma iniciativa do Centro de Frutologia Compal que distribuiu o Mapa das Frutas de Portugal acompanhado por materiais multimédia lúdico-didácticos a 66 escolas do ensino básico.