05
Sex., Jun.
5 Artigos Novos

Gestão Florestal

O Governo vai disponibilizar 145 milhões de euros para incentivar a gestão mais sustentável da floresta, promover as suas funções ambientais, sociais, económicas e paisagísticas.

Com o objetivo de atrair o investimento na floresta, o Ministério do Ambiente e da Ação Climática quer mais resiliência e garantir uma gestão ativa e sustentável a longo prazo.

As principais áreas de intervenção, com um montante de investimento de 100 milhões de euros, são:

  • Florestação de terras não agrícolas: promover a florestação de áreas com matos, melhorando os ecossistemas com espécies de crescimento lento e com uma dotação de 35 milhões de euros;
  • Reflorestação de áreas ardidas: reflorestação ou reabilitação de povoamentos, em áreas ardidas, entre 2003 e 2019 e com uma dotação de 35 milhões de euros;
  • Prevenção da floresta contra agentes bióticos: controlo de invasoras lenhosas - e abióticos - instalação e manutenção de mosaicos de parcelas de gestão de combustível, com uma dotação de 15 milhões de euros;
  • Melhoria da resiliência e do valor ambiental: reabilitação dos povoamentos em más condições vegetativas, bem como a adaptação às alterações climáticas e mitigação dos seus efeitos e com uma dotação de 10 milhões de euros;
  • Melhoria do valor económico: recuperação de povoamentos de Eucalyptus spp em subprodução, através da rearborização com a mesma espécie, ou outra, por forma a obter povoamentos mais produtivos, com a condição de 25% da exploração ser reconvertida através da reflorestação com folhosas autóctones, com vista a tornar os povoamentos mais resilientes aos incêndios e com uma dotação de cinco milhões de euros.

Outra linha de financiamento, num valor total de 45 milhões de euros, destina-se a:

  • Florestação de terras não agrícolas;
  • Reflorestação de áreas ardidas entre 2003 e 2019;
  • Melhoria do valor económico com apoios às áreas de eucaliptais reconvertidas através da reflorestação com espécies folhosas autóctones.

Os fundos serão atribuídos através do PDR 2020 e do Fundo Ambiental.